Meu carrinho
0
Seu carrinho está vazio

Dicas

Dia Mundial do Rock: Conheça as maiores influências do Rock na história!

Publicado em 02.07.2024 |
Visualizações
45 visualizações

Considerado um dos estilos musicais mais populares do mundo, o gênero possui uma data para chamar de sua! Confira as maiores influências do Rock na opinião da Audio Prime no blog de hoje.

O mês de Julho possui uma celebração muito importante para os amantes de música: a comemoração do Dia Mundial do Rock (13). Como grandes apreciadores de uma boa música, nós da Audio Prime não poderíamos deixar de listar os melhores nomes do gênero para você curtir no seu sistema de som. Se liga que vamos dar dicas de um bom som para você testar no seu sistema Home Theater.

Como surgiu o Dia Mundial do Rock?

Apesar de a data ser denominada como Dia Mundial do Rock, ela é celebrada somente aqui no Brasil. Nós te explicamos o porquê! 

Em 1985, durante o Live Aid (movimento de eventos com fundo beneficente), Phil Collins foi um artista que se destacou pela sua dedicação em se apresentar nos dois locais do evento (Londres e Filadélfia) no mesmo dia. Além disso, o artista foi baterista para diversas bandas. Os shows foram tão memoráveis para Collins que o mesmo declarou que aquele dia deveria ser considerado o Dia Mundial do Rock. 

Como nós brasileiros levamos tudo a sério, adotamos a data e desde então celebramos no dia 13 de julho o Dia Mundial do Rock. Outros países também realizam a celebração da data, porém, em outros dias (não há um padrão).

Para comemorarmos essa data com estilo, separamos os 5 cantores que marcaram a história do Rock. Ligue o seu sistema de som e viva essa experiência com a gente! 

1. Roger Waters (Pink Floyd)

Impossível falar de Rock sem mencionar a banda Pink Floyd, que ficou muito conhecida desde 1965 até atualmente. Seus maiores sucessos são do álbum The Dark Side of The Moon, que conta com sucessos como Wish You Where Here, Animals e The Wall. Roger Waters é considerado o fundador do Rock progressivo por meio das suas composições para a banda. Waters atuou como baixista, vocalista e líder do grupo após a saída de Syd Barrett. 

Além do Pink Floyd, o artista também participou de grupos como The bleeding Heart Band e Sigma 6 (que mais tarde se tornou o Pink Floyd).

O grupo despertou a atenção do público que ainda se despedia com o fim do The Beatles, e por meio de um Rock com uma proposta mais psicodélica e fácil de ser comercializado, ganhou uma enorme ascensão. Atualmente (2024), Roger segue carreira solo, certo de que teve um papel importante na história do Rock Mundial.

2. Sting (The Police)

Sting é conhecido por ser o compositor, cantor e baixista da banda The Police. O trio recebeu diversas premiações como: Grammy por melhor performance de Rock (1980 - Synchronicity e Don't stand So Close to me), (1984 - Every Breath you take), entre outros.

Infelizmente a banda se desintegrou em pouco tempo, porém Sting lançou rapidamente a sua carreira solo, aclamada pelo público. Logo no terceiro ano de carreira solo, o cantor recebeu o disco de platina através do seu álbum "Dream of The Blues Turtles", e nos anos seguintes as premiações não pararam, diversos grammys e 4 indicações ao Oscar por melhor canção original (2001- My funny friend and me; 2002- Until; 2004- You Will be my Ain True Love e 2017- The Empty Chair).

3. Steven Tyler (Aerosmith)

A carreira musical de Steven Tyler começou em 1964, como baterista da sua banda "The Strangers". Em 1970, o cantor já fazia parte da banda Aerosmith como vocalista e tecladista. 

Sem dúvidas, Tyler foi uma peça fundamental para o sucesso da banda, os seus vocais e performance chamavam muita atenção. Seu primeiro single foi "Dream On", em 1973, e atingiu a 21ª posição na Billboard. E se você viveu ou não essa época, já conhece os sucessos que vieram por aí: I Don't Want to miss a Thing, Crazy, Cryin' e muito mais! 

O grande sucesso fez Tyler passar por um período desafiador: a saúde das suas cordas vocais. Por nunca fazer um acompanhamento ou aulas de música, o vocalista teve que submeter-se a tratamentos vocais para poder continuar nos palcos.

Atualmente, o cantor segue carreira solo, cumprindo com agendas de turnês e marcando sucessos como: Love is your name e Red, White & you.

Entretanto, para surpresa dos fãs, Steven Tyler e Joe Perry subiram ao palco mais uma vez e lançaram a Tour Aerosmith 2024, que vem cumprindo com uma série de agendas nos Estados Unidos, dando aos fãs a última chance de se despedir. 

4. Dave Grohl

Conhecido por sua atuação de baterista na banda Nirvana e fundador da aclamada Foo Fighters. Em 1994, após o fim do Nirvana em decorrência do falecimento do vocalista Kurt Cobain, nasceu a Foo Fighters. 

A nova banda consequentemente se tornou sucesso por meio de um rock moderno. Everlong, Learn to fly e The Pretender foram as faixas ouvidas na época. 

Grohl é considerado um artista acima da média, seu repertório e habilidades musicais estão em outro patamar. Um exemplo disso foi quando começou a Foo Fighters, a banda era composta somente pelo artista que fazia as composições, tocava os instrumentos e cantava. E foi assim que Dave se tornou um marco para a história do Rock. 

5. Paul McCartney (The Beatles)

Sempre que se fala em Rock, se fala em The Beatles. Isso é um fato! E Paul McCartney faz parte dessa história. O artista integrou na banda como co-vocalista e baixista. Além disso, possui um grande renome quando se trata de composições. Inclusive, foi McCartney que compôs os grandes sucessos dos The Beatles: Yesterday, Hey Jude e Let it be.

Em 1970, após a separação da banda, o cantor estabeleceu uma sólida carreira solo que fez e continua fazendo muito sucesso mundialmente. Além de uma série de premiações musicais, McCartney recebeu em 1977 a honraria e condecoração de Cavalheiro pela Rainha Elizabeth II.

Paul McCartney hoje se mantém ativo nos palcos, cumprindo com diversas agendas, inclusive muitas passagens aqui pelo Brasil, os singles de carreira solo mais ouvidos são: Band on The Run, Maybe I'm Amazed, No More Lonely Nights e FourFiveSeconds, mantendo a sua posição de um dos nomes mais influentes da indústria musical. 

Por que as músicas são excelentes opções para testar o seu Home Theater?

É comum pessoas que curtem uma boa qualidade musical investirem em um sistema de som. Além disso, as músicas são, de certa forma, uma alternativa muito prática para você testar a qualidade do seu Home Theater. Entenda o motivo:

Frequência: As frequências são as características mais comentadas durante os testes, nela são avaliados os graves, agudos e a precisão com que esse tipo de som irá sair nas caixas de som. O objetivo será manter-se fiel ao timbre do cantor e transmitir este som da maneira mais clara possível. 

Mudança técnica: a dinâmica que ocorre entre as melodias e potência vocal em curtos períodos exigem muito da clareza e boa filtragem do som para que ele não se distorça. 

Pureza Sonora: Reforçando o que brevemente comentamos anteriormente, é importante que o som final mantenha-se puro, sem ruídos e distorção. Isso se aplica não só à voz, mas aos instrumentos ricos em detalhes sonoros. 

Se você é entusiasta no mundo do áudio, não deixe de entrar em contato com os nossos especialistas clicando aqui.

Curtiu os artistas que separamos? Então, confira a playlist especial Dia Mundial do Rock que criamos no Spotify e aproveite este dia!